Biópsia Mamária

Dia Mundial da Hipertensão

Comemora-se, hoje dia 17 de maio, o Dia Mundial da Hipertensão. Responsável por ser a principal causa de morte prematura em todo o mundo, e em que 40% da população portuguesa é hipertensa, é imperativo divulgar a importância da prevenção, da deteção e do tratamento da hipertensão.

A pressão arterial (PA) é a força com que o sangue circula pelo interior das artérias do corpo. A hipertensão arterial (HTA) ocorre quando há um aumento da pressão exercida pelo sangue à sua passagem pelas artérias. A esta doença estão associadas várias causas, entre as quais a hereditariedade, os hábitos alimentares, hábitos tabágicos e alcoólicos e inclusive o stress que nos é imposto tanto na vida pessoal como na vida profissional.

A hipertensão arterial é uma doença silenciosa, a longo prazo que quando não é diagnosticada precocemente nem tratada atempadamente, podendo trazer consequências graves para o organismo e principalmente para os rins, o cérebro e o coração.

Prevenir e reduzir os valores da hipertensão arterial é possível. Deve adotar algumas alterações no estilo de vida, de modo a controlar da Hipertensão Arterial como para a sua saúde em geral.

1. Reduzir a ingestão de sal na alimentação é fulcral para baixar a hipertensão arterial. Leia, por favor, os rótulos das embalagens, substitua o sal por ervas aromáticas, por exemplo.
2. Adote uma dieta rica e equilibrada em legumes e alimentos ricos em fibras e potássio. Reduza a ingestão de alimentos pré-cozinhados, carnes vermelhas, queijos curados.
3. Pratique exercício de forma regular. Ao praticar 4 dias por semana, aproximadamente 30 min por dia, pode diminuir os valores da hipertensão arterial, os benefícios para a sua saúde e bem-estar vão melhorar, nomeadamente a qualidade de sono e a disposição, aumento da autoestima e da energia, controlo de peso, redução do risco de doenças cardiovasculares, diabetes e alguns tipos de cancro, etc.
4. Não descure a medicação, caso lhe tenha sido prescrita!
5. Deixe de fumar e corte na cafeína. Embora não afete todas as pessoas os valores da tensão arterial aumentam, pelo que convém não abusar no consumo destes.

Maio – Mês do Coração

Em Portugal, são diagnosticadas diariamente mais mortes por razões inerentes ao coração, não só devido ao sedentarismo mas também à acumulação de calorias/gorduras.

Neste mês de Maio, dedicado ao coração, inverta a sua situação se estiver neste caso. Enveredar por um estilo de vida mais saudável e desportivo são máximas que ouvimos diariamente mas nem sempre as adotamos mas se as cumprir diariamente a médio-longo prazo o seu corpo e a sua mente irão agradecer-lhe.

Alimentação

Comece por fazer alimentação variada, equilibrada e completa. Invista em leguminosas, peixe, carne branca e frutos secos. Habitue-se a tomar o seu pequeno-almoço em casa e coma fruta para intercalar as refeições.

Exercício Físico

Arranje tempo com os seus amigos para fazer caminhadas ao final do dia, inscreva-se num ginásio, mexa-se! O exercício físico combate o sedentarismo, e outras doenças graves como a diabetes, doenças cardiovasculares, como a hipertensão entre outros. A prática regular de desporto vai proporcionar-lhe o acréscimo de energia, bom humor e melhoria na capacidade cognitiva.

Conviva

A vida não é só trabalho, por isso, devemos separar o pessoal do profissional! Organize com os seus amigos, um jantar, cultive as suas amizades, porque de certeza já sentiu os benefícios que trazem a convivência com pessoas que lhe são queridas.

Vida Sexual

Os benefícios associados à prática sexual são muitos, como dormir melhor, diminuição do risco de enfarte, melhora o humor, entre outros. Se puder, tenha uma vida sexual ativa.

Não se esqueça que ao efetuar um diagnóstico precoce junto do seu médico cardiovascular e adotar um estilo de vida saudável diminuem o risco de contrair alguma doença do foro cardiovascular.

Dia Nacional da Prevenção e Segurança no Trabalho

Os riscos em ter um acidente de trabalho estão sempre presentes, em qualquer situação do quotidiano, sendo necessário identifica-los e lidar com eles diariamente. Todos os trabalhadores ativos têm o direito de viver e trabalhar em segurança.

“É acidente de trabalho aquele se verifique no local e no tempo de trabalho e produza direta ou indiretamente lesão corporal, perturbação funcional ou doença de que resulte na capacidade de trabalho, ou de ganho, ou a morte.”

As Clínicas Centro Médico da Praça dispõem de um departamento de Segurança, Higiene no Trabalho, o qual tem como uma das principais funções, avaliar, evitar e prevenir todos os riscos associados à atividade profissional que cada pessoa desempenha na sua vida laboral.

Dispomos ainda de um serviço de urgência, o qual também realiza atendimento aos sinistrados, permitindo não só dar uma resposta mais célere às empresas, como também a todas as companhias de seguros, com quem temos seguros de acidentes de trabalho e de saúde.

Dia Mundial da Atividade Física

O aparecimento de doenças crónicas, como as cardiovasculares, oncológicas, a diabetes e a obesidade, deve-se sobretudo ao sedentarismo.

Estima-se que em Portugal, 1 em cada 10 portugueses têm diabetes, cerca 4 em cada 10 sofre de hipertensão e mais de metade da população adulta apresenta excesso de peso, incluindo obesidade.
Segundo a Organização Mundial da Saúde, a prática regular de exercício físico é importante para melhorar a  qualidade de vida. Além dos benefícios físicos, como o aumento da resistência muscular, redução da frequência cardíaca, ganho de condição física e prevenção de lesões e vícios de postura, a prática diária de exercício físico também ajuda a combater a depressão.

Sugestão de exercícios para fazer regularmente:
Corrida – Melhora a circulação do sangue, estimula a produção de endorfina e regula o sono.
Ciclismo – Andar de bicicleta é um exercício que não causa grande impacto nas articulações e, se bem,  orientado, pode ajudar a controlar o colesterol e a pressão arterial, além de melhorar a condição física.
Caminhada – Previne e combate doenças cardiovasculares, controla a pressão cardíaca e aumenta a elasticidade das veias e artérias.
Hidroginástica – Melhora a coordenação dos membros inferiores e superiores, a circulação e a respiração, além de regular a pressão arterial. Geralmente, este tipo de exercício, é muito indicado para quem tem problemas na coluna, uma vez que não causa impacto nas articulações.
A prática regular de atividade física, aliada com uma alimentação adequada, previne os problemas de saúde atrás referidos. Realize, no mínimo, 30 minutos de exercício diário durante 4 dias por semana.
Fontes:
American College of Sport Medicine
Organização Mundial da Saúde
Ministério da Saúde

Dia Mundial do Rim – Patologia Renal: como prevenir complicações futuras

Dr. Paulo Espiridião – Médico Urologista do CMP

Os rins são dois órgãos localizados em ambos os lados da coluna vertebral, atrás das últimas costelas, e medem aproximadamente 12 centímetros.

As suas principais funções são:

  • Eliminar as toxinas resultantes do metabolismo corporal: uréia, creatinina, ácido úrico, etc;
  • Manter o equilíbrio hídrico do organismo, eliminando o excesso de água, sais e eletrólitos, evitando, assim, o aparecimento de edemas (inchaços) e aumento da pressão arterial;
  • Atuar como órgãos produtores de hormonas: eritropoetina, que participa na formação de glóbulos vermelhos; a vitamina D, que ajuda a absorver o cálcio para fortalecer os ossos; e a renina, que intervém na regulação de pressão arterial.

A doença renal pode ser silenciosa, mas há casos em que o indivíduo sente alguns sintomas. Os sinais e sintomas mais conhecidos são: hipertensão arterial, urina com sangue, urina com espuma (presença de proteínas na urina), edemas, eliminação de urina muito clara (como água), anemia (palidez, cansaço, dor no peito e sonolência).

Quando a doença está muito avançada, pode haver perda do apetite, náuseas, vómitos, cãibras, prurido (coceira), perda de memória, falta de concentração, tremores, insónia ou sonolência.

A doença renal pode ser silenciosa, mas há casos em que o indivíduo sente alguns sintomas. Os sinais e sintomas mais conhecidos são: hipertensão arterial, urina com sangue, urina com espuma (presença de proteínas na urina), edemas, eliminação de urina muito clara (como água), anemia (palidez, cansaço, dor no peito e sonolência).

Atualmente, estima-se que 10% da população tenha algum grau de doença renal. O número chega a dobrar em pessoas entre 65 e 75 anos.

Para avaliar a função desse órgão é fundamental a realizaçao de análises especificas de sangue (ureia, creatinina, ionograma, etc) e urina (urina II e sedimento).

Com algumas medidas simples é possível cuidar bem dos rins. Ficam alguns conselhos:

  • Diminua o consumo de sal nos alimentos. O máximo permitido é de cinco a seis gramas por dia;
  • Beba bastante água, mantenha uma alimentação saudável e pratique exercício físico com regularidade;
  • Não fume e mantenha um peso adequado;
  • Controle a pressão arterial;
  • Cuidado com os medicamentos. Remédios só com a indicação do médico.

Dia Mundial da Diabetes

O grupo CMP vai realizar um Rastreio Gratuito à Diabetes, no dia 14 de Novembro das 08:00h às 11:00h, nas suas delegações de S.J. da Madeira, Estarreja, S. M. Feira, Cesar e Arouca.
Esta iniciativa assinala o Dia Mundial da Diabetes e reforça a importância de que um diagnóstico precoce pode restituir qualidade de vida.

Clínicas CMP:

São João da Madeira (sede)
Rua do Vale do Vouga 1492, 3700-298 S. J. da Madeira | 256 830 700

Estarreja
Rua Dr. António de Abreu Freire 60 R/C esq., 3860-384 Estarreja | 234 292 826

Santa Maria da Feira
Rua Dr. Alcides Monteiro 45, 4520-179 S. M. da Feira | 256 303 307

Cesar
Rua Central de Cesar 2, 3700-608 Cesar | 256 858 231

Arouca
Alto da Estrada Bloco 3 R/C Fracção A/B, 4540-194 Arouca | 256 944 861 / 256 949 608

Dia Mundial da Radiologia

A Radiologia é uma área da medicina, especializada e diretamente apoiada pela tecnologia, que permite obter imagens do corpo com o objetivo de detetar a causa de determinados sintomas, constituindo assim um processo fundamental para o diagnóstico e permitindo direcionar procedimentos de intervenção como forma de tratamento.

Atualmente, a Radiologia vai para além da utilização dos Raios-X como forma de obtenção de imagens. São também utilizados outros mecanismos para obter imagens, nomeadamente os ultrassons utilizados nos estudos de Ecografia e os campos magnéticos como é o caso da Ressonância Magnética.

Apesar da evolução constante na área da Radiologia, as Radiografias (conhecidas como Raios-X) continuam a constituir o exame de primeira linha no diagnóstico de várias patologias específicas.

O termo Radiografia refere-se a uma imagem obtida após a aplicação de radiação X, continuando a representar uma ferramenta de grande utilidade na prática clínica. Este continua a ser o exame indicado primeiramente no estudo de fraturas, lesões infeciosas (nomeadamente pulmonares), avaliação de alterações do padrão mamário (no caso da Mamografia), avaliação dos níveis de desmineralização óssea (especificamente com a Densitometria Óssea), alterações em determinados órgãos, presença de obstruções, líquido ou ar, de forma simples, rápida e indolor.

Curiosidade:

A primeira Radiografia foi conseguida por Röntgen em 1895, que o levou a ganhar o Prémio Nobel de Física em 1901.